sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Um dia,

a maioria de nós irá se separar. Sentiremos saudades de todas as conversas jogadas fora, as descobertas que fizemos, dos sonhos que tivemos, dos tantos risos e momentos que compartilhamos.
Saudades até dos momentos de lágrima, da angústia, das vésperas de finais de semana, de finais de ano, enfim, do companheirismo vivido.
Sempre pensei que as amizades continuassem para sempre ...
Hoje não tenho mais tanta certeza disso. Em breve cada um vai pra seu lado, seja pelo destino, ou por algum desentendimento, segue a sua vida, talvez continuemos a nos encontrar, quem sabe, nos e-mails trocados; podemos nos telefonar; conversar algumas bobagens. Aí os dias vão passar, meses, anos ... até este contato tornar-se cada vez mais raro.
Vamos nos perder no tempo...

Um dia nossos filhos verão aquelas fotografias e perguntarão: Quem são aquelas pessoas? Diremos que eram nossos amigos. E, isso vai doer tanto! Foram meus amigos, foi com eles que vivi os melhores anos de minha vida!

Ps.: eu ando sentindo muita falta de vocês :/

6 comentários:

Verônica disse...

ah meu, que lindo.

e o pior que é verdade, por isso temos que aproveitar muito enquanto estamos todos juntos...

Ludy Peixoto disse...

Nha te amooooooooooooooo *-*


To te seguindo...demorei mais te achei...lindo texto =D

Fran disse...

Lindo esse texto!
Também tô longe dos meus amigos e morro de saudades, sim, eu choro vendo nossas fotos *-*


Beeijos!

Dequinha disse...

caara que texto lindo, os amigos são tudo que temos na vida e enquanto pudermos tê-los junto a nós, a melhor coisa é aproveitar todos os momentos, pois sempre ficarão guardados ... Sempre bate aquela saudade...Sinal que os tempos foram bons =)

grazi pinheiro . disse...

é.. são eles que fazem da vida lembraças nunca esquecidas! elas e eles são ETERNOS!
tenho saudades tambem dos tempos em que eu curtia mais eles, abraçava mais eles, dizia mais vezes que os amava. tudo isso eu não deixei de fazer, mas com menos frequência.
notei que o tempo passou, responsabilidades vieram, e pensamntos mais maduros foram mais fortes do que alguns pesamentos infântis que costumávamos ter.

mas tudo valeu a pena!
só sinto saudades.. só isso. só isso.

beijos, Luuh

kááh disse...

Mega lindo esse texto Luiza *-* tô um pouco afastada dos meus "amigos" ultimamente, e ler esse texto me deu uma baita de uma saudade. uma nostalgia ;/

tô te seguindo viu.. qualquer coisa passa no meu lá ;)